Técnico do Treze não poupa condições fornecidas pelo Sousa, clube mandante, na partida que foi disputada nesse domingo. Jogo terminou com vitória do Dinossauro sobre o Galo por 1 a 0

Jogador uruguaio é acusado de agredir verbalmente um adversário, em partida contra o Franca, pela Copa Super 8. No lance em questão, o atleta do time paraibano sofreu fratura no nariz

Além de administrar mais uma derrota sofrida nos últimos instantes de uma partida válida pelo NBB, o Basquete Unifacisa vai precisar lidar com um novo problema, que pode inclusive tirar o uruguaio Pepo Vidal do time por até 10 jogos. É que a procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) apresentou uma denúncia contra o armador uruguaio por uma suposta reclamação desproporcional durante a disputa da Copa Super 8, em que a equipe paraibana enfrentou a equipe de Franca.

Pepo Vidal em ação: atleta atuou diante do Franca — Foto: Marcos Limonti / Franca Basquete

O que chama a atenção é que, na jogada em questão, Pepo Vidal acabou sendo atingido pelo jogador Elinho, do Franca, tendo seu nariz fraturado. E no final das contas o atleta paulista acabou não sendo sequer denunciado pela falta antidesportiva, e o uruguaio pode acabar pegando um gancho pesado.

- Existe uma denúncia contra o nosso atleta, Pepo Vidal, segundo a qual ele teria agredido verbalmente o jogador Élio, do Franca, durante a partida da Copa Super 8. Só que todo mundo viu que Pepo foi agredido nessa jogada, inclusive tendo uma fratura no seu nariz, fato que ainda interfere no rendimento do jogador, que está precisando atuar com uma proteção. E essa denúncia foi feita, diga-se de passagem, meramente apenas a partir de um relato da comissão técnica de Franca, o que é estranho até demais. Por isso nós vamos até o STJD do basquete pedir que essa denúncia seja desqualificada e que haja um reexame da denúncia que fizemos, contra o jogador de Franca, que claramente agrediu nosso jogador - explicou o diretor jurídico do Basquete Unifacisa, Lafayett Gadelha.

Pepo Vidal passou a jogar com uma proteção no resto desde a fratura que sofreu o nariz — Foto: Paulo Reis / Flamengo

A reclamação da equipe paraibana deve ser apresentada ao STJD nesta terça-feira e não há, contudo, um prazo estipulado para que o órgão emita algum posicionamento. O Basquete Unifacisa volta à quadra nesta terça-feira, desta vez para encarar o São José Basquete, fora de casa. A partida está marcada para 20h, no Ginásio Linneu de Moura, em São José dos Campos.

globoesporte

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.