Marcos Aurélio vai para o Brasiliense e fala sobre negociação emperrada com o Botafogo-PB

Meia, que vai assinar com o clube candango por duas temporadas e deve ser o camisa 10, ainda comentou sobre o encontro e o desfecho não positivo da permanência no Belo para 2020

Foto:Paulo Cavalcanti / Botafogo-PB

Marcos Aurélio vai reforçar o Brasiliense na próxima temporada. O meia deve assinar até segunda-feira contrato válido por dois anos com o Jacaré e tem como objetivo conquistar principal para o clube o acesso à Série C do Brasileiro.

- O Brasiliense me despertou o interesse pelas conversas que tive em relação ao planejamento deles de quererem subir. Além das referências de quem jogou lá, como de pessoas que trabalharam no clube - comentou Marcos Aurélio.

Marcos Aurélio no aeroporto a caminho de Porto Alegre para resolver questões particulares — Foto: Arquivo Pessoal

Antes de ficar apalavrado com o Brasiliense, há um mês, Marcos Aurélio se reuniu com a diretoria do Botafogo-PB para acertar a rescisão de contrato. Na última terça-feira, pareceu que a situação teria uma reviravolta e que o jogador ficaria na capital paraibana em 2020.

O técnico Evaristo Piza e o vice-presidente de futebol Ariano Wanderley tiveram um encontro com o jogador, em um shopping de João Pessoa, mas não obtiveram sucesso na negociação. Desde que foi anunciada a sua não permanência no clube paraibano, o meia recebeu outras propostas, como a do Brasiliense.

- Na primeira reunião que tive, não deixaram nada certo e a segunda foi para acertar minha rescisão com o Botafogo-PB. Ninguém conversou comigo sobre permanência. Eles agradeceram por tudo que fiz e falaram que não era de interesse renovar comigo. É tanto que os jogadores que o clube tinha interesse na permanência renovaram. Eu precisei dar seguimento a minha vida até por ter apartamento para entregar, transferência da escola da minha filha para Recife, entre outras coisas. A diretoria foi ao mercado e viu a dificuldade de encontrar um camisa 10, por isso depois um mês decidiram vir conversar comigo. Nesse intervalo, eu já havia dado a minha palavra para o Brasiliense, até por saber que o Botafogo-PB não queria a renovação. Ouvi o Brasiliense, como também outras propostas. Eu decidi escutar o Botafogo-PB novamente até pela gratidão que tenho pelo clube e pela torcida. Infelizmente, não chegamos a um acordo e vou precisar dar seguimento a minha carreira - explicou.

Meia levanta taça de campeão paraibano de 2019 pelo Botafogo-PB — Foto: Reprodução / TV Belo

O atleta de 35 anos chegou ao Botafogo-PB, no fim de 2017, como principal nome para a temporada do ano seguinte. Foram, ao todo, 73 partidas vestindo a camisa alvinegra. Marcos Aurélio se despede com o status de meio-campista que mais marcou pelo clube neste século. Foram 22 gols marcados nesses dois anos.

Página virada. Marcos Aurélio quer obter o mesmo sucesso no Brasiliense, como alcançou no Botafogo-PB recentemente e por outros clubes que defendeu ao longo da carreira.

- O objetivo é de fazer história, como fiz em quase todos os clubes que joguei. Espero poder ajudar da melhor maneira possível - finalizou.

Ele se despede do Botafogo-PB como o meio-campista que mais marcou gols no século pelo clube paraibano — Foto: Pedro Alves / GloboEsporte.com

globoesporte

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.