Presidente do Auto Esporte admite confiança na participação do clube na 2ª divisão do estadual

Helamã Nascimento participou da primeira reunião sobre a competição, que deve começar em agosto. Dirigente espera que o STJD possa liberar o clube para competições profissionais

O clima ainda é de incertezas no Auto Esporte.Rebaixado no ano passado para a 2ª divisão do Campeonato Paraibano, o time pessoense tem direito a jogar a divisão de acesso esse ano. Mas, por enquanto, só em teoria. É que o Auto Esporte foi punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por ter ingressado com uma ação na Justiça Comum antes de esgotadas as instâncias desportivas. Com isso, o STJD baniu o clube de competições profissionais. Mesmo assim, o presidente do time, Helamã Nascimento, está otimista.

Helamã Nascimento espera que até a semana que vem o Auto Esporte esteja liberado para as disputas do estadual da 2ª divisão — Foto: Lucas Barros / TV Cabo Branco

O dirigente participou da primeira reunião realizada para tratar da competição de acesso deste ano. O encontro aconteceu nessa quinta-feira na sede da Federação Paraibana de Futebol, em João Pessoa. Além disso, Helamã acredita que o recurso do Auto Esporte, que pleiteia a sua liberação para disputar a Segundona, vai ser julgado na próxima semana no tribunal.

- Estamos com o planejamento pronto e estamos muito otimistas. Dia 7 de junho nosso recurso entra em pauta e já temos o precedente da Desportiva Guarabira, que foi absolvida. Agora é aguardar o deferimento do nosso recurso - disse o dirigente.

Auto Esporte e Desportiva Guarabira entraram com uma ação cível contra Botafogo-PB e Campinense, ainda em consequência da Operação Cartola, que investigou um suposto esquema de manipulação de resultados que aconteceu no Campeonato Paraibano de 2018, torneio em que o Macaco e o Espantalho caíram de divisão.

Diante dessa ação, o STJD acabou punindo os dois clubes, banindo as equipes de competições oficiais. A Desportiva Guarabira, no entanto, retirou a ação cível e entrou com um recurso no STJD, que foi deferido, liberando, assim, o time do Brejo para as disputas da 2ª divisão do Paraibano deste ano. O Auto Esporte também desistiu da ação e espera o mesmo efeito jurídico.

Dirigente participou da primeira reunião para debater o formato da 2ª divisão do Paraibano deste ano — Foto: Divulgação / Auto Esporte

Mesmo sem a definição dos tribunais, o presidente do Auto Esporte participou da primeira reunião sobre a divisão de acesso do estadual como uma espécie de ouvinte. O clube, aliás, se posicionou por um formato de torneio de maneira regionalizado, o que diminui os gastos das equipes. A tendência, por sinal, é que o campeonato seja mesmo disputado dessa maneira.

Seria um torneio disputado por 11 equipes divididas em dois grupos. No Grupo Agreste/Sertão, estariam Nacional de Pombal, Sabugy, Sport Lagoa Seca, Femar e Picuiense, enquanto que o Brejo/Litoral deve ter Desportiva Guarabira, Confiança de Sapé, São Paulo Crystal, Miramar e Internacional, além do Auto Esporte. Seriam apenas jogos de ida e os dois melhores de cada chave iriam para o mata-mata do acesso.

A previsão é que a tabela seja divulgada no próximo dia 18 de junho, enquanto que a primeira rodada da competição deve ser marcada para o dia 18 de agosto.

Fonte: globoesporte

Publicidade

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.